domingo, 28 de junho de 2009

Visita Aos Cavalos...

Uma reunião diferente, num local espetacular. Todos Adoramos.
Obrigado Amigo Gildo, Sr. Quim e Rogério por nos deixarem conviver com esses amimais

domingo, 31 de maio de 2009

Os Irmãos de Máugli - Livro da Selva



Ao cair da noite, o Pai Lobo acordou da sesta no seu covil nos montes Seiôuni, na Índia. Enquanto a Mãe Loba ficava com as quatro crias, o pai lobo ia caçar. Entretanto apareceu Tábàqui, que os lobos detestavam porque era intriguista e vivia às custas deles. Tábàqui disse aos lobos que Xer Cane lhe havia contado que iria caçar para aquelas zonas. A Mãe Loba respondeu que ele só caçava gado, pois era coxo de uma pata.

Racxa olhou para o monte e disse que havia alguma coisa a subir o monte, o Pai Lobo já estava pronto para atacar quando se apercebeu que era uma cria de homem, e foi buscá-lo, colocando-o junto das suas crias na cabana. Logo depois apareceu Xer Cane que queria a cria de homem, mas Racxa disse que a cria era dela, e não iria ser morta. “Vai viver para correr e caçar com a Alcateia. E no fim ainda te há-de apanhar, cobarde!”

Apesar da cria ter que ser apresentada à Alcateia a Mãe Loba queria continuar com ela, e deu-lhe o nome de Máugli, a rã. Assim na noite da reunião, levou a cria à Rocha do Conselho para que esta fosse apresentada. Quando o Pai Lobo e a Mãe Loba estavam a apresentar Máugli, apareceu Xer Cane dizendo que a cria era dele, que uma cria humana não tinha nada a ver com lobos. Alguns Lobos da Alcateia concordaram. Àquela perguntou se havia alguém que queria falar em defesa daquela cria. Então Balú falou em seu favor. Outro animal que estava a favor da permanência da cria na Alcateia era Bàguirá, esta ofereceu um touro gordo, se eles aceitassem a cria. A partir daí Máugli passou a fazer parte da Alcateia de Seiôuni.

Balú estava encantado com o seu novo aluno, ensinou-lhe muitas coisas, a Lei da Selva, o que dizer a Mangue no caso de o incomodar durante o dia,… Bàguirá andava sempre a ver os progressos do seu protegido.

Máugli tinha uma vida maravilhosa, entre aprender os segredos da selva com o Pai Lobo e com Balú, ia com Bàguirá para o centro da floresta para a ver caçar, de noite ia observar os camponeses nas suas cabanas

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Presépio de Natal...

Hoje, de algum lugar.
Longe destas terras
Um olhar especial de alguém especial
De distantes origens
Um olhar de um justo coração
Que pulsa só a vida
Que sorri porque ama plenamente
Sem jugos, sem conceitos,
Sem prisões

Hoje como ontem
Longe destes céus
Há um encantado olhar só para você
Nesse olhar, nesse fitar.
Vai para você a magia da luz
A simplicidade do perdão
A força para comungar a vida
E a esperança
De dias mais radiantes de paz

Hoje, de algum lugar dentro de você.
Alguém que já o amou muito
E ainda o ama
Diz para você que valeu a pena
Ter estado nestas terras
Sob estes céus
Falando de união, paz, amor e perdão.
Só para você saber
Que hoje é Natal
E poder sentir a força
Que faz você sorrir
E continuar o caminho
Que um dia aquele doce olhar
Olhou para Ti!

Quisemos trazer este olhar até á nossa aldeia e por isso aqui fica um pequeno filme do presépio de Natal feito por todos nos....

Um bem haja a todos os que nos ajudaram a ralizar este projecto...

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Os Nosso Artesanato...

Olá Amiguinhos, pensavam que já não voltavamos?!!
Pois desenganem-se, temos andado muito atarefados a desenvolver um nosso projecto para este Natal...
Querem saber qual é?
O Nosso projecto foi fazer alguns trabalhos atesanais para criar uma feirinha de atesanato, por forma a aplicarmos os nossos dotes, aprender coisas novas e descobrir o quanto é agradável criar prendas personalizadas...
Pois é... Ficam aqui algumas fotos para vos mostrar o nosso trabalho e muitas das nossas qualidades... Beijinhos e Obrigado a todos...


domingo, 5 de outubro de 2008

Dia 4 de Outubro_ Dia de S. Francisco de Assis

No Dia 4 de Outubro celebra-se o dia de S. Francisco de Assis nosso Patrono.
Ele protege todos os animais animais da nossa Natureza, por isso, este dia é também conhecido como o dia dos Animais e hoje deixamos aqui um apelo:

NUNCA ABANDONE UM ANIMAL!

Em Portugal mais de 10.000 animais são abandonados anualmente. Muitos encontram a morte nos canis camarários e outros acabam por morrer à fome ou nas estradas, enquanto vagueiam pelas ruas em busca de alimentos e de abrigo. Quando abandonados, os animais sofrem todo o género de maus tratos ficando igualmente sujeitos a contrair doenças. Para além do sofrimento infligido ao animal, o abandono é, portanto um risco para a saúde pública.
Nestes casos, os mais afortunados, que são poucos, são adoptados por uma ou outra pessoa mais sensível.
As associações zoófilas, que recolhem animais, já há muito que ultrapassaram a capacidade de alojamento para o qual estão preparadas. Isto reflecte-se no mau tratamento dispensado aos animais.
VOCÊ PODE AJUDAR A MUDAR ESTA SITUAÇÃO:
Os animais são seres vivos, sensíveis e sofrentes, não são BRINQUEDOS.
Um animal deve ser desejado pelo dono e bem aceite pelos restantes membros da família. Por isso, a compra ou a adopção de um animal deve ser muito ponderada e estar de acordo com a sensibilidade e disponibilidade do novo dono.
Um animal de companhia precisa, não só de alimentação adequada e água fresca, mas ainda de uma série de outros requisitos que não devem ser ignorados, tais como alojamento adequado e espaço para se movimentar, acompanhamento veterinário, e atenção, entre outros. Assim, oferecer animais às crianças, só para lhes satisfazer os desejos é uma atitude incorrecta. Um animal deve fazer parte da família, ser desejado e estimado até à sua morte natural.
Colocar um animal num canil albergue deve ser o último dos recursos, pois ele nunca serás feliz sem o dono.

Seja tão leal com o seu animal como ele o é para consigo!